FPF vai liberar uso sem limites de atletas amadores quando Sub-23 começar


Além de recomendar aos dirigentes dos clubes que pensem de forma “econômica” no planejamento para a volta do futebol e o começo do Campeonato Paulista Sub-23 da Segunda Divisão, a FPF informou que vai liberar a inscrição sem limite de atletas amadores na competição deste ano. Até então os clubes poderiam utilizar o máximo de cinco nessa situação.


Esses foram alguns dos temas na reunião desta terça-feira (26) entre o presidente da Federação Paulista de Futebol, Reinaldo Carneiro Bastos, e dirigentes de clubes, entre eles João Vital Neto, presidente do XV de Jaú.


A reunião, por meio de videoconferência, teve duas etapas, com sete clubes em cada uma. Na reunião, Bastos fez recomendações às equipes e abordou a realidade atual do futebol, paralisado por causa da covid-19.



João Vital acompanja a reunião on-line por meio de celular

Conjuntura - Após a reunião, que teve início às 17h30, Vital disse que foi um “bate papo” sobre a conjuntura atual e o presidente da FPF fez sugestões aos dirigentes, procurou dar orientações de forma a evitar contrair dívidas e esperar o andamento da pandemia para pensar na retomada das competições.


“Não revê nenhuma decisão tomada. Não se determinou nada. Ficou claro para a FPF que o anseio é para que as competições sejam realizadas. A FPF não descarta a possibilidade de não serem realizadas as Séries A1, A2, A3, Bezinha e até as categorias de base. O Reinaldo não descarta nada”, comentou Vital.


Protocolo - Para isso, segundo ele, serão definidos protocolos de segurança, como testagem de atletas, normas para alojamentos e se vão alojar ou não atletas. Também ficou claro que jogos com público neste ano dificilmente serão realizados. A norma deverá ser portão fechado, com jogos não mais às 10h, assim será possível os clubes viajarem no mesmo dia, evitando despesas com hospedagem.


Sem datas - Sobre datas, o presidente do XV não citou expectativa. Disse que a FPF quer encerrar a A1 e a A2, para depois concluir a A3 e iniciar a Bezinha. “A novidade é que a quantidade de jogadores amadores que poderão disputar a competição vai ser ilimitada. É algo que a FPF não gostava de fazer e limitava o uso de atletas amadores. Neste ano não vai ter limite.”


Inicialmente, a Segundona estava prevista para começar no dia 18 de abril, com 42 equipes na disputa e um regulamento bastante reformulado, na comparação com outras temporadas .. Porém, desde o fim de março tudo parou. E um novo conselho arbitral terá de ser realizado com os clubes que decidirem permanecer na disputa.