Homenagem: vereadores destacam trabalho sério da diretoria do XV e agradecem apoio da Head Soccer


A sessão da Câmara de Jaú desta segunda-feira, dia 25 de novembro, aprovou a Moção nº 38/2019, de autoria dos vereadores José Carlos Borgo e José Fernando Barbieri. A Moção é de Congratulações e Aplausos foi para os diretores do Esporte XV de Novembro de Jaú, por meio do presidente Rodrigo Luiz Paulino, e estendeu a todos os membros da diretoria, da empresa parceira, atletas, parceiros, fornecedores e torcedores, pelos 95 anos de glória e tradição e pelo título de bicampeão paulista Sub-20 da segunda divisão.




Após lida, discutida e aprovada, o documento foi entregue ao presidente do XV na presença dos convidados. Todos tiraram fotos com os dirigentes do XV e com a taça conquistada na final do Campeonato Paulista Sub-20 da Segunda Divisão.


O presidente da Câmara, José Carlos Borgo, leu a moção falando da história do XV, das vitórias e do trabalho em prol do clube tanto da diretoria como da empresa parceira Head Soccer. "Quando um vereador dessa casa propões uma moção é um reconhecimento de nossa comunidade. Não é apenas uma homenagem do vereador, ela se torna uma homenagem de toda a sociedade. É o reconhecimento do trabalho para essa pessoa ou instituição homenageada", completou.


Borgo entrega Moção ao presidente do XV




O vereador Fernando Barbieri brincou lembrando que o XV se dá melhor em decisões fora de Jaú, a exemplo de 1951, 1976, 2006 e agora em Bebedouro com o Sub-20. Citou a dificuldade em obter receitas para manter um clube de futebol do interior e agradeceu a Head Soccer pelo apoio. "Sabemos que é muito difícil tocar um time de futebol no interior do Brasil e vocês com paixão conseguem fazer isso. Só temos de aplaudir vocês, aplaudir pelo trabalho e por nos proporcionar alegrias nos domingos de manhã".


Rodrigo Paulino e os vices Pedinha e Odair estiveram na solenidade, junto com torcedores do clube e funcionários

O vereador Lucas de Barros Flores enalteceu o trabalho do amigo Rodrigo Luiz Paulino e desejou um grande futuro. Ele destacou o trabalho de liderança de Paulino, citando as muitas dificuldades dele no clube desde antes de ser presidente. "Chegou à presidência do XV de Jaú com um dever, como um dedicação e apaixonado pelo clube. Ele conhece os desafios e é conhecedor das responsabilidades que precisava enfrentar para fazer o XV voltar a ter condições de disputar campeonatos."


Para o vereador Tuco Bauab, o presidente do XV é um "guerreiro" e luta pelo esporte desde quando trabalhava na Secretaria de Esportes. Também parabenizou o torcedor Célio e o presidente da Galunáticos, Paulo Surian, por estarem sempre juntos da torcida e levando-a para acompanhar XV.


Barbieri, Rodrigo, Borgo e Tata

O vereador Luiz Henrique Chupeta cumprimentou os autores da moção, destacou o trabalho de quem se envolve na mobilização da torcida e citou o trabalho de Rodrigo Luiz Paulino em prol do esporte. Agradeceu à Head Soccer que vem ajudando muito o clube e fez menção aos torcedores que lutam e não medem esforços para viajarem para torcer pelo clube. Pediu ao presidente para ignorar aqueles que só criticam e não ajudam.



Barbieri, Rodrigo, Célio e Paulo Surian

Trecho da moção

"A torcida do XV de Jaú é uma das mais fanáticas, apaixonadas do Brasil, principalmente quando comparamos a presença dos torcedores nos jogos da 4ª divisão do paulista, onde fora noticiado que o XV de Jaú tinha público maior que os times da série B do campeonato brasileiro, repercutindo na imprensa esportiva de todo o Brasil, com uma média de público de mais de 4.500 torcedores. A alegria dos torcedores com os 95 anos de sua fundação e o título conquistado, deve-se ao trabalho da diretoria atual do quinze, aos atletas do time, bem como dos investidores da empresa parceira, que desde o início deste ano está à frente do XV de Jaú e principalmente seus torcedores. Hoje, o presidente do Esporte XV de Novembro de Jaú, o Senhor Rodrigo Luiz Paulino e seus pares veem realizando excelente trabalho visando que o XV de Jaú, volte a subir de divisão, para assim, retornar à 1ª divisão do futebol paulista."

(INFORMAÇÕES EXTRAÍDAS A PARTIR DO TEXTO ORIGINAL DA MOÇÃO Nº 38/2019).



Rodrigo e Luis Pacheco

Rodrigo e Lucas Flores

Barbieri, Rodrigo e João Pacheco


Barbieri e Rodrigo

Barbieri, Rodrigo e Paulo Surian

Rodrigo e a esposa Jordana