Refletores do Jauzão estão de volta em festa com grande público e gol do Corinthians

Nenê faz o único gol do jogo, mas o que importa foi o momento que recoloca o estádio em condições de sediar jogos noturnos


TEXTO E FOTOS: Paulo César Grange

(galeria completa na página do XV de Jaú no Facebook - em breve)


A noite que marcou a reinauguração dos refletores do Estádio Zezinho Magalhães foi uma grande festa para a torcida do XV de Jaú. Mais de 3 mil pessoas acompanharam o jogo entre XV de Jaú e Corinthians na categoria máster. Um momento único no qual reuniu grandes craques do passado dos dois clubes.





Em campo, o único gol do jogo foi marco por Nenê, do Corinthians, no segundo tempo, quando o XV inicial já tinha sido modificado. Foram cerca de 30 jogadores que vestiram a camisa especial do XV produzida para esse jogo festivo. A camisa, por sinal, está à venda na Loja do XV. Também está à venda o copo alusivo ao jogo: "Eu Fui".



Sub 13 do XV

A tarde-noite festiva no Jauzão começou com a preliminar envolvendo os times sub-13 do XV e o Ressaca de Bauru. A garotada é a próxima geração do XV e jogou bem, sob o comando do diretor Marco Cipola. Venceu por 3 a 1, com gols de Bruno (2) e Pedro . Em seguida, um combinado do XV formado por ex-atletas e convidados enfrentou time da Polícia Militar.


Equipe da Polícia Militar

Homenagem da Polícia ao ex-diretor Edward Caffeu


Edward com Peninha, que organizou o time para o jogo contra os militares

O grande momento foi a chegada do time máster do Corinthians com jogadores históricos do clube, como Neto, Wladimir, Nilson e outros. Os atletas dos dois clubes se reuniram num só vestiário antes do jogo. Um momento de congraçamento, muitas selfies, abraços e reencontros. Do vestiário principal saíram juntos para o gramado acompanhados de garotos do sub-13 do XV.




No gramado, a diretoria do Xv, por meio do presidente Rodrigo Luiz Paulino, fez uma homenagem ao dois clubes, entregando troféu alusivo ao jogo criado pela Rigdom Design - cada atleta também recebeu uma placa comemorativa pela data. Rodrigo agradeceu a presença dos torcedores, destacou o grande número de jogadores do XV reunidos no evento e cumprimentou os corintianos por participarem da festa dos refletores.


Presidente Rodrigo Paulino entrega troféu a Níveo, que representou o time na solenidade


O meia Neto, hoje comentarista de TV, falou em nome dos colegas e disse que era um prazer estar em Jaú com o time máster. Citou o XV como grande berço de jogadores, mencionando Níveo, Wilson Mano, Alfinete, Nilson, alguns ex-companheiros corintianos. Neto jogou o primeiro tempo, depois foi fazer festa com a torcida no alambrado.


Corintiano Neto recebeu troféu comemorativo do jogo das mãos do presidente do XV


O jogo - No primeiro tempo o Corinthians foi quem mais criou jogadas e obrigou o goleiro Celso a fazer ao menos três grandes defesas. Numa delas,a bola cabeçada no cantinho da trave por Dinei foi alcançada por Celso, deixando o corintiano inconformado por não fazer o seu gol na noite festiva.




Na segunda etapa, o XV trocou todo o time. E continuou fazendo substituições. Até que num lance de fora a bola bateu no travessão do goleiro Leonel e sobrou para Nenê empurrar para o gol. Foi o gol do jogo. O gol da vitória por 1 a 0 do Corinthians. Após mais uma sessão de fotos entre todos, os jogadores dos dois times foram recepcionados pela diretoria do XV e pela Head Soccer com um jantar.



O time do XV começou o jogo com Celsinho 1, Celinho 2, Paulinho Maruschi 25, Murilo Avante 20, Fonseca 33, Alfinete 12, Guto 16, Wilson Mano 36, Juan Izasa 9, Níveo 10, Antônio Carlos 11.

Depois, também jogaram os veteranos: Tonho Grizzo, Toninho Paraná, Zé Construtor, Barbieri, Luis Antonio, Adilson Igarapava, Valter, Odair, Fernando, Du Lopes, Murilo Peccioli, Leonel, Thiago Love, Toninho, Dinei, Mauricinho, Noronha, Navarro, Giba.



Celso defende grande cabeçada de Dinei

No Corinthians os titulares foram Dagoberto, Nenê, Carlinhos Graúna, Ailton, Wladimir, Ezequiel, Pingo, Dinei, Neto, Nilson e João Paulo. Depois entraram Batata, Ataliba Rogério, Agnaldo, Gino.

Nenê finaliza para fazer o único gol do jogo




Neto vai comemorar com a Camisa 12

Agência oficial do E.C. XV de Jaú

©2020 desenvolvido e mantido por  Guilherme Bono | Opa! Publicidade e Propaganda

Opa!